SEGUIDORES: FAÇA PARTE VOCÊ TAMBÉM!

28 de ago de 2009

Livro Gigante leva leitura à sala de aula

O Livro Gigante, mascote do Projeto "Ler é uma beleza", a boneca Emília e a turma da 4ª série do Prof. Rogério começaram a levar leitura às salas de aula. Como estamos no mês de agosto, o tema escolhido foi "Parlendas e Trava-línguas". Confira como foi.A boneca Emília apresenta aos alunos o Livro Gigante e os convida a uma primeira leitura: uma música que fala sobre o livro.
As parlendas foram apresentadas de formas diferentes...

video
Com o uso da bandinha, dramatizada ou com bonecos de fantoche, elas chamaram a atenção e divertiram as crianças.
Os trava-línguas também foram apresentados de diferentes formas...

video
Chamaram a atenção pelas dinâmicas utilizadas nas apresentações: cantar o trava-língua como ópera, bater os pés na sílaba mais forte de cada palavra, bater palmas no início de cada palavra, ler somente as palavras destacadas, ler o trava-língua e fazer batucada.
No final, os alunos foram motivados a criar um nome para o Livro Gigante. Para isso, será organizado um Concurso. O regulamento será divulgado em breve.

25 de ago de 2009

CONAE 2010




A Conferência Nacional de Educação – CONAE é um espaço democrático aberto pelo Poder Público para que todos possam participar do desenvolvimento da Educação Nacional.
Está sendo organizada para tematizar a educação escolar, da Educação Infantil à Pós Graduação, e realizada, em diferentes territórios e espaços institucionais, nas escolas, municípios, Distrito Federal, estados e país. Estudantes, Pais, Profissionais da Educação, Gestores, Agentes Públicos e sociedade civil organizada de modo geral, terão em suas mãos a oportunidade de conferir os rumos da educação brasileira.
Tema da CONAE, definido por sua Comissão Organizadora Nacional, é: Construindo um Sistema Nacional Articulado de Educação: Plano Nacional de Educação, suas Diretrizes e Estratégias de Ação. A CONAE acontecerá em Brasília, de 28 de março a 1º de abril de 2010, será precedida de Conferências Municipais, previstas para o primeiro semestre de 2009 e de Conferências Estaduais e do Distrito Federal programadas para o segundo semestre do mesmo ano.
O Prof. Rogério esteve em Diamantina, nos dias 24 e 25 de agosto, participando de uma destas Conferências, representando o segmento Pais de Alunos da Educação Básica. O professor, eleito como um dos delegados para a próxima fase em Belo Horizonte, discutiu, juntamente com representantes de diversos setores da Educação, um dos seis eixos da Conferência: o EIXO IV (Formação e Valorização dos Profissionais da Educação).

21 de ago de 2009

Homenagem ao Dia do Supervisor Educacional

Dia 22 de agosto é o Dia da Supervisora. A vocês, KÁTIA e MARÍLIA, companheiras na busca por dias melhores e educação de qualidade, nossos parabéns!!!
Que o prefixo que antecede o nome de tão importante profissão possa acompanhar todos os bons momentos de suas vidas. Assim... um SuperDia para vocês!!!
4ª Série - Professor Rogério

18 de ago de 2009

Atividades de Leitura com Parlendas e Trava-línguas

Agosto é o mês do Folclore... Isto todo mundo sabe. O que todos sabemos também é o quanto esta data oferece de possibilidades para trabalhar a leitura e a escrita.
As sugestões apresentadas a seguir para o trabalho com parlendas e trava-línguas permitem explorar a oralidade, a criatividade e a leitura, dentre tantas outras habilidades.
Desenvolvemos estas atividades em sala de aula e todos adoramos.
Sugestões para as Parlendas
Foram apresentadas várias parlendas ao grupo. Após a leitura de todas elas, os alunos são convidados a apresentá-las da forma que quiserem. Surgiram as mais variadas ideias:

  • apresentar a parlenda usando bonecos de fantoche;

  • dramatizar a parlenda;

  • cantar a parlenda usando os instrumentos da bandinha;

  • apresentar a parlenda usando gravuras e mímicas.
Sugestões para os Trava-línguas
A turma foi dividida em grupos. Todos os grupos receberam trava-línguas em comum e fizeram a leitura. Outras também foram apresentadas pelo professor. A seguir foram discutidas formas de se apresentar, para os outros alunos, os trava-línguas que a turma mais apreciou. As seguintes sugestões foram aplicadas na sala:

  • Ler e bater palmas no início de cada palavra do trava-língua;

  • Ler e bater o pé no chão quando pronunciar a sílaba mais forte de cada palavra;

  • Ler e brincar com as palavras, lendo apenas as palavras destacadas;

  • Completar trava-línguas conhecidos com palavras que rimam de sua escolha;

  • Dramatizar um trava-língua, cantando como ópera;

  • Ler, cantar e batucar um trava-língua.
As crianças adoraram estas atividades. Caso tenha sugestões diferentes, envie-nos.

17 de ago de 2009

Evitando a gripe suína

Clique no link abaixo e veja como ensinar seus alunos a evitar a gripe suína através de hábitos saudáveis, estimulando a higiene e evitando o preconceito.
A Santinha: Gripe Suína

Folclore


O que é Folclore
Podemos definir o folclore como um conjunto de mitos e lendas que as pessoas passam de geração para geração. Muitos nascem da pura imaginação das pessoas, principalmente dos moradores das regiões do interior do Brasil. Muitas destas histórias foram criadas para passar mensagens importantes ou apenas para assustar as pessoas. O folclore pode ser dividido em lendas e mitos. Muitos deles deram origem à festas populares, que ocorrem pelos quatro cantos do país.

As parlendas
As parlendas são versinhos com temática infantil que são recitados em brincadeiras de crianças. Possuem uma rima fácil e, por isso, são populares entre as crianças. Muitas parlendas são usadas em jogos para melhorar o relacionamento entre os participantes ou apenas por diversão.

Alguns exemplos de parlendas:

Um, dois, feijão com arroz.
Três, quatro, feijão no prato.
Cinco, seis, chegou minha vez
Sete, oito, comer biscoito
Nove, dez, comer pastéis.

Um elefante amola muita gente...
Dois elefantes... amola, amola muita gente...
Três elefantes... amola, amola, amola muita gente...
Quatro elefantes amola, amola, amola, amola muito mais...
(continua...)
As cantigas de rodaAs cantigas de roda, também conhecidas como cirandas são brincadeiras que consistem na formação de uma roda, com a participação de crianças, que cantam músicas de caráter folclórico, seguindo coreografias. São muito executadas em escolas, parques e outros espaços frequentados por crianças. As músicas e coreografias são criadas por anônimos, que adaptam músicas e melodias. As letras das músicas são simples e trazem temas do universo infantil.

Alguns exemplos de cantigas de roda:

Capelinha de melão
Capelinha de melão
É de São João
É de cravo, é de rosa,
É de manjericão
São João está dormindo
Não acorda, não
Acordai, acordai,
Acordai, João!

Caranguejo
Caranguejo não é peixe
Caranguejo peixe é
Caranguejo não é peixe
Na vazante da maré.
Palma, palma, palma,
Pé, pé, pé
Caranguejo só é peixe, na vazante da maré!
As danças folclóricasAs danças sempre foram um importante componente cultural da humanidade. O folclore brasileiro é rico em danças que representam as tradições e a cultura de uma determinada região. Estão ligadas aos aspectos religiosos, festas, lendas, fatos históricos, acontecimentos do cotidiano e brincadeiras. As danças folclóricas brasileiras caracterizam-se pelas músicas animadas (com letras simples e populares) e figurinos e cenários representativos. Estas danças são realizadas, geralmente, em espaços públicos: praças, ruas e largos.

Principais danças folclóricas do Brasil

Samba de Roda

Estilo musical caracterizado por elementos da cultura afro-brasileira. Surgiu no estado da Bahia, no século XIX. É uma variante mais tradicional do samba. Os dançarinos dançam numa roda ao som de músicas acompanhadas por palmas e cantos. Chocalho, pandeiro, viola, atabaque e berimbau são os instrumentos musicais mais utilizados.

Maracatu

O maracatu é um ritmo musical com dança típico da região pernambucana. Reúne uma interessante mistura de elementos culturais afro-brasileiros, indígenas e europeus. Possui uma forte característica religiosa. Os dançarinos representam personagens históricos (duques, duquesas, embaixadores, rei e rainha). O cortejo é acompanhado por uma banda com instrumentos de percussão (tambores, caixas, taróis e ganzás).

Frevo

Este estilo pernambucano de carnaval é uma espécie de marchinha muito acelerada, que, ao contrário de outras músicas de carnaval, não possui letra, sendo simplesmente tocada por uma banda que segue os blocos carnavalescos enquanto os dançarinos se divertem dançando. Os dançarinos de frevo usam, geralmente, um pequeno guarda-chuva colorido como elemento coreográfico.

Baião

Ritmo musical, com dança, típico da região nordeste do Brasil. Os instrumentos usados nas músicas de baião são: triângulo, viola, acordeom e flauta doce. A dança ocorre em pares (homem e mulher) com movimentos parecidos com o do forró (dança com corpos colados). O grande representante do baião foi Luiz Gonzaga.

Catira

Também conhecida como cateretê, é uma dança caracterizada pelos passos, batidas de pés e palmas dos dançarinos. Ligada à cultura caipira, é típica da região interior dos estados de São Paulo, Paraná, Minas Gerais e Goiás e Mato Grosso. Os instrumento utilizado é a viola, tocada, geralmente, por um par de músicos.

Quadrilha

É uma dança típica da época de festa junina. Há um animador que vai anunciando frases e marcando os momentos da dança. Os dançarinos (casais), vestidos com roupas típicas da cultura caipira (camisas e vestidos xadrezes, chapéu de palha) vão fazendo uma coreografia especial. A dança é bem animada com muitos movimentos e coreografias. As músicas de festa junina mais conhecidas são: Capelinha de Melão, Pula Fogueira e Cai,Cai balão.

Jogos, brinquedos e brincadeiras
Além dos contos, danças, festas e lendas, o folclore brasileiro é marcado pelas tradicionais brincadeiras. As brincadeiras folclóricas são aquelas que passam de geração para geração. Muitas delas existem há décadas ou até séculos. Costumam sofrer modificações de acordo com a região e a época, porém, a essência das brincadeiras continua a mesma da origem.
Grande parte das brincadeiras folclóricas envolve disputas individuais ou em grupos. Possibilitam também a integração e o desenvolvimento social e motor das crianças.
A preservação destas brincadeiras é muito importante para a manutenção da cultura folclórica. Por isso, são muito praticadas, principalmente, durante o mês de agosto que é destinado ao folclore.

Jogos, brincadeiras e brinquedos do folclore:

- Soltar pipa: as pipas, também conhecidas como papagaios, são feitas de varetas de madeira e papel. Coloridas, são empinadas (soltadas) pelos meninos em dias de vento. Com uma linha, os garotos conseguem direcionar e fazer malabarismos no céu.

- Estilingue: também conhecidos como bodoques, são feitos de galhos de madeira e borracha. Os meninos usam pedras para acertar alvos (latas, garrafas e outros objetos).

- Pega-pega: esta brincadeira envolve muita atividade física. Uma criança deve correr e tocar outra. A criança tocada passa ter que fazer o mesmo.

- Esconde-esconde: o objetivo é se esconder e não ser encontrado pela criança que está procurando. A criança que deverá procurar deve ficar de olhos tapados e contar até certo número enquanto as outras se escondem. Para ganhar, a criança que está procurando deve encontrar todos os escondidos e correr para a base.

- Bola de gude: coloridas e feitas de vidro, são jogadas no chão de terra pelos meninos. O objetivo é bater na bolinha do adversário para ganhar pontos ou a própria bola do colega.

- Boneca de pano: feitas pelas mães e avós, são usadas em brincadeiras pelas meninas para simular crianças integrantes de uma família imaginária.

- Pião: a brincadeira de pião ainda faz muito sucesso, principalmente, nas regiões do interior do Brasil. Feitos de madeira, os piões são rodados no chão através de um barbante que é enrolado e puxado com força. Muitas crianças pintam seus piões. Para deixar mais emocionante a brincadeira, muitos meninos fazem malabarismo com os piões enquanto eles rodam. O mais conhecido é pegar o pião com a palma da mão enquanto ele está rodando.
Os trava-línguas
Podemos definir os trava línguas como frases folclóricas criadas pelo povo com objetivo lúdico (brincadeira). Apresentam-se como um desafio de pronúncia, ou seja, uma pessoa passa uma frase díficil para um outro indíviduo falar. Estas frases tornam-se difíceis, pois possuem muitas sílabas parecidas (exigem movimentos repetidos da língua) e devem ser faladas rapidamente. Estes trava línguas já fazem parte do folclore brasileiro, porém estão presentes mais nas regiões do interior brasileiro.


Exemplos de Trava Línguas (devem ser falados rapidamente sem pausas)

Pedro tem o peito preto, O peito de Pedro é preto; Quem disser que o peito de Pedro é preto, Tem o peito mais preto que o peito de Pedro.

A vaca malhada foi molhada por outra vaca molhada e malhada.

Um ninho de mafagafos, com cinco mafagafinhos, quem desmafagafizar os mafagafos, bom desmafagafizador será.
As adivinhas
As adivinhas, também conhecidadas como advinhações ou "o que é, o que é" são perguntas em formato de charadas desafiadoras que fazem as pessoas pensar e se divertir. São criadas pelas pessoas e fazem parte da cultura popular e do folclore brasileiro. São muito comuns entre as crianças, mas também fazem sucesso entre os adultos.

Alguns exemplos de adivinhas:

- O que é que é surdo e mudo, mas conta tudo?
Resposta: o livro

- O que é o que é que sempre se quebra quando se fala?
Resposta: o segredo

- Ele é magro pra chuchu, tem entes mas nunca come e mesmo sem ter dinheiro, dá comida a quem tem fome?
Resposta: o garfo


A lenda do saciO Saci-Pererê é um dos personagens mais conhecidos do folclore brasileiro. Possuí até um dia em sua homenagem: 31 de outubro. Provavelmente, surgiu entre povos indígenas da região Sul do Brasil, ainda durante o período colonial (possivelmente no final do século XVIII). Nesta época, era representado por um menino indígena de cor morena e com um rabo, que vivia aprontando travessuras na floresta.

Porém, ao migrar para o norte do país, o mito e o personagem sofreram modificações ao receberem influências da cultura africana. O Saci transformou-se num jovem negro com apenas uma perna, pois, de acordo com o mito, havia perdido a outra numa luta de capoeira. Passou a ser representado usando um gorro vermelho e um cachimbo, típico da cultura africana. Até os dias atuais ele é representado desta forma.

O comportamento é a marca registrada deste personagem folclórico. Muito divertido e brincalhão, o saci passa todo tempo aprontando travessuras na matas e nas casas. Assusta viajantes, esconde objetos domésticos, emite ruídos, assusta cavalos e bois no pasto etc. Apesar das brincadeiras, não pratica atitudes com o objetivo de prejudicar alguém ou fazer o mal.

Fonte: http://www.suapesquisa.com

11 de ago de 2009

HOMENAGEM AO ESTUDANTE

Se você estuda, hoje é o seu dia! PARABÉNS pra você!

Estudante é todo aquele que se dedica a aprender e tem fome de conhecimento. E já que você gosta de aprender coisas vamos falar um pouco da origem desse dia.

Você sabe por que ele é comemorado no dia 11 de agosto?
Porque no dia 11 de agosto de 1827, D. Pedro instituiu no Brasil os primeiros cursos de ciências jurídicas e sociais do país. Ele fez isso para quem quisesse estudar não precisasse mais ir para Portugal ou Coimbra atrás de conhecimento.

Cem anos depois, Celso Gand Lev propôs uma homenagem a todos estudantes do país. Desde 1927 comemora-se essa data.

10 de ago de 2009

"Gripe suína" na sala de aula

A nova gripe está aí, rondando nossas casas e nossas escolas. Então, o que não pode faltar é informação. Cabe a cada escola e a cada educador preparar seus alunos para evitá-la. Mas como não poderia deixar de ser, as piadinhas já surgiram na internet e não são dificeis de encontrar. As charges são ótimas ferramentas para trabalhar a leitura, principalmente porque trazem sempre aquele tipo de leitura à qual, muitas vezes, não damos importância: a chamada linguagem não-verbal (expressões das personagens e idéia de movimento, por exemplo). Trabalhamos algumas em sala de aula, o que trouxe mais informação, evitando equívocos quanto à transmissão da gripe e (por que não?!)trazendo descontração.
Na charge a seguir, por exemplo, os alunos são levados a perceber:
-os personagens (conhecidos ou não);
-fisionomia dos personagens (uso de máscaras);
-a quem se dirige o personagem Leitão (aos companheiros ou aos leitores);
- a falta de informação de alguns dos personagens (formas de transmissão da gripe) e outros.







Outra, que possui personagens conhecidos das crianças, é apresentada abaixo, podendo ser abordadas as seguintes questões:
- o que há de engraçado na charge;
- que circunstância atual faz com que o Lobo fique com medo dos Três Porquinhos.







Aguardamos sua sugestão.

Dramatização de Contos

A leitura de contos em sala de aula, normalmente, não é adotada por muitas escolas e educadores, ou por se tratarem de textos longos ou por falta de acesso aos mesmos por parte dos alunos e professores. Buscamos na biblioteca da escola os livros de que dispúnhamos e partimos para o trabalho. Como não tínhamos livros iguais em número suficiente para todos, os alunos foram divididos em grupos. Cada grupo recebeu um livro e ficou encarregado de ler uma determinada história, ou seja, um determinado conto. Na próxima aula, os alunos ficaram conhecendo um pouco mais sobre os vários tipos de conto que existem como, por exemplo, conto de mistério, conto de absurdo, conto de herói. Palavras desconhecidas foram surgindo, principalmente quando se tratava de autores mais clássicos. Oportunidade que foi aproveitada para a consulta ao dicionário. Cada grupo se reuniu e seus integrantes decidiram como seria feita a dramatização. Alguns optaram por apresentar toda a história, outros apenas a parte de que mais gostaram.
Sugestões de como trabalhar Contos? Envie para lereumabeleza@gmail.com

9 de ago de 2009

Homenagem aos pais


Quando você ler esta postagem, o Dia dos Pais já estará acabando ou mesmo já ter acabado. Mas quem disse que precisa de um único dia para homenagear o papai? Aliás, você há de concordar que, na verdade, ele deveria ser reverenciado todos os dias pelo seu carinho, dedicação, sorriso e todas as outras coisas especiais que Deus colocou em um ser que só poderia ser chamado de PAI. Parabéns a todos os papais, em especial, àqueles da E. M. Dr. Viriato Diniz Mascarenhas.
Convide o papai para assistir junto com você este vídeo. É lindo!!!http://www.youtube.com/watch?v=PFxVe9BqrxM

7 de ago de 2009

Evitando a gripe suína - Vídeo da Turma da Mônica

Evite a contaminação•Proteja, com lenços de papel descartável, a boca e nariz ao tossir ou espirrar;
•Lave as mãos com água e sabão depois de tossir ou espirrar, depois de usar o banheiro, antes de comer, antes de tocar os olhos, boca e nariz;
•Evite tocar os olhos, nariz ou boca após contato com superfícies;
•Evite aglomerações e ambientes fechados;
•Mantenha os ambientes ventilados;
•É importante que o ambiente doméstico seja arejado e receba a luz solar, pois estas medidas ajudam a eliminar os possíveis agentes das infecções respiratórias;
•Mantenha hábitos saudáveis, como alimentação balanceada, ingestão de líquidos e atividade física;
•Não compartilhe alimentos e objetos de uso pessoal com pessoas vindas das áreas de risco;
•O doente evite sair de casa enquanto estiver em período de transmissão da doença (até 5 cinco dias após o início dos sintomas), para evitar a contaminação de outras pessoas;
•O uso de máscaras é indicado para prevenir contaminações.
Assista o vídeo educativo
video

6 de ago de 2009

Menina antenada


Melissa Mota enviou este cartaz convidando para o novo show do Zé das Quantas. Será imperdível. Ele é o máximo!!! Inclusive utilizei alguns de seus causos em sala de aula o ano passado.
Valeu, Melissa! Aliás, ler cartaz também "é uma beleza".

3 de ago de 2009

Blog "Ler é uma beleza" serve de intercâmbio e está em destaque

O papel a que se propõe o nosso blog começa a ser delineado: o intercâmbio entre educadores. Em recente visita virtual, pude trocar experiências com educadora de Portugal. Veja o comentário que ela faz na matéria LEITURA PARA AS FÉRIAS.

Tivemos também a honra de receber o selo VEJA BLOG.COM.BR que nos conceitua como um dos melhores blogs do país. Veja o e-mail que recebemos:
"Parabéns pelo excelente site! (LER É UMA BELEZA) Você está fazendo parte da maior e melhor seleção de Blogs/Sites do País!!! - Só sites e blogs premiados - Selecionado pela nossa equipe, você está agora entre os melhores e mais prestigiados Blogs/Sites do Brasil! Parabenizamos pelo ótimo trabalho!
Um forte abraço,
Dário Dutra."
Related Posts with Thumbnails